Leia a íntegra desta notícia no site da Caza, administradora de condomínios localizada em Bento Gonçalves/RS, com departamento jurídico próprio e equipe qualificada para auxiliar o síndico e os condôminos no dia a dia do condomínio.

Passageiros presos em elevadores: como agir?

13/11/2019

É comum elevadores pararem, seja por questões elétricas, mecânicas ou até por falta de manutenção, deixando quem está dentro deles preso até a solução do problema.

A situação causa pânico em muitas pessoas e exige uma providência rápida.  Mas, afinal, que medidas devem ser tomadas se um elevador parar e, dentro dele, houver alguém preso?

Para o passageiro

- Se o elevador parar entre andares, os ocupantes devem manter a calma, pois o perigo não é iminente.

- Muitos elevadores têm luzes de emergência, que funcionam por algumas horas sem energia elétrica, e interfones de comunicação com aportaria.

- Segundo os fabricantes, os elevadores têm ventilação necessária para respiração.

- Acionar o botão de alarme e/ou utilizar o interfone para pedir ajuda.

- Não force as portas e se o elevador parar entre andares e a porta abrir, não tente sair por conta própria. O elevador pode voltar a funcionar no momento em que você estiver saindo. Aguarde a sua estabilização!

Para o síndico

- Não tente resgatar a pessoa presa nem permita que um funcionário do condomínio o faça.

- Somente as empresas de manutenção de elevadores e o Corpo de Bombeiros são habilitados para fazer isso com segurança.

- O resgate por pessoas não-habilitadas (funcionários do condomínio, por exemplo) pode trazer risco de vida tanto ao passageiro quanto para quem o está resgatando.

- Chamar imediatamente a empresa responsável pelos elevadores ou o Corpo de Bombeiros.